POMBAL

POMBAL
BANDEIRA DA CIDADE DE POMBAL

POMBAL

POMBAL
VISTA A PARTIR DO CASTELO DE POMBAL DO LADO NOROESTE DA CIADE.

UM POUCO DA MINHA TERRA

UM POUCO DA MINHA TERRA
Vista da parte Oeste da cidade com a Zona Industrial ao fundo

UM POUCO DA MINHA TERRA - (POMBAL)

UM POUCO DA MINHA TERRA  - (POMBAL)
Vista aérea da parte Sul de Pombal.

UM POUCO DA MINHA TERRA. (POMBAL)

UM POUCO DA MINHA TERRA. (POMBAL)
Vista aérea da parte centro-este de Pombal

UM POUCO DA MINHA TERRA. (Pombal)

UM POUCO DA MINHA  TERRA. (Pombal)
Museu Marquês de Pombal (Antiga Cadeia)

UM POUCO DA MINHA TERRA (POMBAL)

UM POUCO DA MINHA TERRA (POMBAL)
Pombal shopping

terça-feira, 15 de setembro de 2009

SOZINHO




SOZINHO

Deixaste-me sozinho ....
Naquele lugar onde um dia te aprendi a amar...
Desfizeste-me e nunca me quiseste reconstruir...
Tive que sobreviver sozinho...
Esperando o dia em que te voltaria a ver...
Pensando que um dia...
Quando fosse feliz, talvez poderia...
Ser eu próprio outra vez....
Nunca vieste...
Mas nunca esqueci o teu rosto...
As tuas palavras...
Os teus lábios...
Todas as noites pensei em ti...
Cravei com as minhas unhas o teu nome...
Usando o sangue que derramava do meu peito...
Olhando as estrelas, perguntei-lhes por ti...
Pensando em ti...
Pensando que estarias a pensar em mim...
Enganei-me  redondamente...
Agora pago o meu erro...
Nas lágrimas que dou ao vazio....
Tanto que gostava de estar na escuridão...
Pois agora o vazio que me percorre...
Faz pior ao meu pobre coração...
Onde estás ?
Onde estás ??
Onde estás ???
Talvez..........
Só na minha ............
....................................loucura.


Norberto Marques