POMBAL

POMBAL
BANDEIRA DA CIDADE DE POMBAL

POMBAL

POMBAL
VISTA A PARTIR DO CASTELO DE POMBAL DO LADO NOROESTE DA CIADE.

UM POUCO DA MINHA TERRA

UM POUCO DA MINHA TERRA
Vista da parte Oeste da cidade com a Zona Industrial ao fundo

UM POUCO DA MINHA TERRA - (POMBAL)

UM POUCO DA MINHA TERRA  - (POMBAL)
Vista aérea da parte Sul de Pombal.

UM POUCO DA MINHA TERRA. (POMBAL)

UM POUCO DA MINHA TERRA. (POMBAL)
Vista aérea da parte centro-este de Pombal

UM POUCO DA MINHA TERRA. (Pombal)

UM POUCO DA MINHA  TERRA. (Pombal)
Museu Marquês de Pombal (Antiga Cadeia)

UM POUCO DA MINHA TERRA (POMBAL)

UM POUCO DA MINHA TERRA (POMBAL)
Pombal shopping

sábado, 12 de junho de 2010

AQUI ESTÁ ...........

 (........ o verdadeiro agricultor, loool.....)

Meus amigos, há algum tempo atrás disse-vos aqui que devido ao estado de saúde (menos bom) que acompanhava o meu pai, ir-me-ia afastar um pouco do blog para puder ajudá-lo nas pequenas tarefas agrícolas. Pois hoje, decidi partilhar convosco o resultado da minha dedicação nesses pequenos trabalhos..... e modéstia à parte, acho que nem me saí muito mal, LOOOOOOOOL.  Aqui vai :

(Esta é a parte de trás da minha casa. Aqui começa o quintal....A existencia de alguma desordem é fruto da remodelação da casa que ainda não está concluída.)

 Esta é a menina dos meus olhos, lool.... uma framboeseira(o)...tem crescido tão rápidamente, que até parece mágica, ainda não tem dois anos e está carregada de frutos.
( Aqui está uma pequena amostra)


Aqui, (repolhos coração de boi)

 (O cantinho das alcachofras)
 (aqui mais em pormenor)
 
(O cantinho das cebolas)
(Este é um repolho do qual eu não me lembro do nome e do qual também não gosto nada, porque é muito doce..looool)
 (Junto das cebolas estão as "courgettes", as famosas abobrinhas francesas)

 
(Aqui são as verdadeiras abóboras, aquelas que usamos para fazer os deliciosos doces de natal, entre outros....) 

 
 (O canteiro da alface)

 
 (Aqui, duas filas de alhos franceses) 
( o canteiro das cenouras) 
(Aqui é o cantinho dos alhos) 
 (Este fui eu que plantei, é um Alperce.) 
 
(«couves de horto» ou couves para caldo verde) 
 
(Uma cerejeira, penso que no próximo ano já vai dar cerejas) 
 
 (Aqui é o canteiro das ervas aromáticas)
(Feijão Frade) 
   
(Também um pouco de batatas) 
 
(pimentos)
 
( feijão verde de trepar)
 
(feijão-verde anão)
 
(Parte do quintal)
  
(pepinos)
 
(melões)
 
(Aqui o cantinho dos morangos)
 
(Aqui está o meu pai a colocar apoios nos tomateiros)
(Uma nespereira tb plantada por mim)
 
(Aqui uma macieira enxertada com duas qualidades diferentes de maçãs na mesma árvore.)
 
(Uma tangerineira)
 
(Uma figueira que a minha "manita" me trouxe de França)
 
(Um limoeiro)
 
(Uma laranjeira)
 
(mais algumas batatas)
 
(Ao fundo , junto das grandes árvores, passa um rio, onde por vezes me sento para contemplar a paisagem e organizar as ideias)
 
(uma amendoeira) 
 
(Duas groselhas, uma vermelha e outra preta, os frutos que deram foram devorados pelos passarinhos)

Para terminar, gostaria ainda de dizer-vos que adoro viver na aldeia e não trocaria a minha por nenhuma outra, foi esta que me viu nascer e é nesta que me sinto bem.Gosto de abrir a janela pela manhã e ouvir o cantar dos passarinhos em vez do barulho dos escapes dos automóveis e respirar o ar puro da "Bruma da Manhã", LOOL... em vez dos gazes das indústrias e de todos os veículos motorizados...Gosto de trabalhar a terra, depois de chegar a casa do emprego e ver o progresso das sementes e das plantações,fico tão concentrado na minha pequena horta que esqueço tudo o resto.....quase que funciona como uma terapia de relaxamento.... Faço-o por gosto, não por obrigação, talvez por essa razão goste de o fazer... Agora já sabem onde ocupo a maior parte do meu tempo livre, dando  por terminado este meu já longo post..... Resta-me desejar-vos  um ÓPTIMO FIM DE SEMANA ...BEIJOS E ABRAÇOS PARA TODOS.